Grupo brasileiro que queria criar parque tecnológico pediu concessão da Praia da Madalena

O grupo Gestão Capital, promotor de um parque tecnológico previsto para o antigo parque de campismo da Madalena, queria a concessão da Praia da Madalena, em Gaia.

O grupo brasileiro queria investir 700 milhões para construir um mega “tech hub” no terreno do antigo parque de campismo da Madalena, mas a Câmara de Gaia, denunciou o contrato, por alegada quebra de confiança nas negociações.

Além disso, o grupo queria também a concessão da Praia da Madalena, para criar um complexo educacional, de acordo com o protocolo de colaboração entre a Câmara de Gaia e o promotor, que esteve para ir a reunião do executivo para aprovação, em agosto passado.

Nesse protocolo, a autarquia comprometia-se a colaborar para que o grupo conseguisse a concessão da Praia da Madalena.