“Gaia é um cão rafeiro gigante que sobreviveu a décadas de Patrocínios Azevedos e outros autarcas que tais”

David Bruno deu uma entrevista ao jornal expresso onde traçou um retrato vívido do concelho de Gaia, destacando a “diversidade paisagística” e não só.

No podcast da BLITZ, o autor de canções como ‘Inatel’ e ‘Mesa para Dois no Carpa’, fala com carinho e propriedade sobre o concelho onde vive, retratado, por exemplo, no álbum “O Último Tango em Mafamude”.

Destacando a diversidade paisagística – a “costa marítima enorme”, “o Douro interior”, o sul “completamente rural, com moinhos a trabalhar” –, o artista assinala também uma faceta “urbanisticamente à balda”: “tudo completamente mal planeado.” “Gaia é um cão rafeiro gigante que sobreviveu a décadas de Patrocínios Azevedos (referência ao antigo líder da concelhia socialista de Gaia, detido em maio por suspeitas de corrupção) e outros autarcas que tais”, disse.

Veja a entrevista na integra https://expresso.pt/blitz/2023-07-19-David-Bruno-Gaia-e-um-cao-rafeiro-gigante-que-sobreviveu-a-decadas-de-Patrocinios-Azevedos-e-outros-autarcas-que-tais-96c64728