Empresas de transporte de Gaia deixam a Batalha por imposição de taxa

As empresas de Gaia deixaram de utilizar o terminal rodoviário das Camélias, na zona da Batalha, no Porto, depois das obras de renovação. Segundo a notícia avançada pelo JN, em causa está a imposição do pagamento de uma taxa de permanência, que as empresas recusam pagar.

As operadoras da região têm de pagar por ficar no terminal, após dez minutos. Por cada minuto adicional são cobrados 0,12 cêntimos. A Área Metropolitana do Porto admite responder em tribunal.