InícioDesportoMódicus atira Fundão para fora da Taça

Módicus atira Fundão para fora da Taça

No dia 25 de fevereiro encontraram-se no pavilhão de Sandim o Módicus e o Fundão que compete na liga principal de futsal em Portugal. O jogo era a contar para a Taça e  uma das equipas iria ficar pelo caminho. Num jogo verdadeiramente épico o Módicus venceu o poderoso AD Fundão por 4-3 e está, assim, apurado para a final eight da competição.

0eea00a6 183f 478d a466 8ce07987b5f0

No começo assistiu-se a um momento de relevo e que a equipa da casa não quis deixar passar em claro. O seu fisioterapeuta Ivo foi agraciado com uma placa alusiva e para premiar um cartão branco que lhe foi mostrado num jogo anterior pela prática de um ato de fairplay – assistência a um jogador adversário – da sua parte e que enobrece os princípios desportivos por que se rege este conceituado clude de Sandim.

JLA 4726 1

Relativamente ao jogo propriamente dito, as equipas alinharam de início com:

Módicus: 3- Gerson; 13- Pedrinho; 7- Valter; 20- Ricardinho; 94- Vitinho

AD Fundão: 2 – Juan Pinheiro; 6- Uesler (ex-módicus); 9- Renato; 13- Bebé; 17 Mário Freitas

Com uma equipa competitiva apesar de menos apetrechada que o adversário, o Módicus cedo mostrou a sua enorme vontade de seguir em frente. Muito equilibrada a defender e com grande intensidade desde o primeiro minuto começou por enervar a equipa adversária. Aos 8 minutos começou por se colocar na dianteira depois de um remate de Kiko ter sido intercetado para a própria baliza por Thales. Após um minuto Tomás Colaço repôs a igualdade no marcador. Uesler à segunda colocou o Fundão na dianteira aos 13 min. Aos 16 min e meio vigário empatou com um remate cheio de oportunidade. Ao intervalo registava-se um empate a duas bolas.

JLA 4778

A segunda metade começou com ambas as equipas mais preocupadas em não sofrer golos do que em marcar o que resultou num jogo intenso mas um pouco quesilento e com muitos protestos de parte a parte. Aos 15 minutos mantinha-se tudo como estava ao intervalo e nada fazia prever o que se passou nos momentos finais. Aos 18 min os visitantes, por Renatão, colocaram-se na frente do marcador 2-3, resultado algo injusto para os da casa. Com Ricadinho a assumir o papel de guarda-redes jogador de campo o Módicus foi para os instantes finais para um 5 para 4. A enorme vontade dos atletas de Sandim teve os seus frutos a 30 segundos do final com Neytan a marcar à boca da baliza e a empatar o jogo para enorme regozijo das gentes de Sandim. Mesmo ao cair do pano e após a 5ª falta do Fundão feita sobre o guarda-redes do Módicus, Rafa foi chamado a marcar um livre direto de que resultou o 4-3 final. Com poucos segundos para acabar o Módicus soube tapar todos os caminhos para a sua baliza e seguiu em frente na competição onde encontrará o Nun’Álvares de Fafe.

Mais um momento de enorme alegria para a AD Módicus que tem pergaminhos nesta competição e continua a trabalhar arduamente para voltar ao lugar que lhe pertence.

Redação Terras de Gaia
Redação Terras de Gaiahttps://terrasdegaia.pt
O Terras de Gaia está ao serviço do concelho de Gaia, apostando em reforçar a identidade histórico-cultural do espaço geográfico onde está implantada e atua., comprometendo-se a informar com rigor e verdade.
RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments